domingo, 26 de setembro de 2010

O jeito americano de se fazer propaganda

E a Nissan lança comercial do Nissan Livina 2011 na última sexta-feira (24), no estilo americano de se fazer propaganda.
Permitido lá. Mas e aqui?
Conar ficará nervoso, assim como a GM, Honda e Fiat.

Criação da agência Lew'Lara\TBW.

video 

Recentemente o alvo foi a Toyota e a Volkswagen na divulgação da Frontier.

video

Aguardo ansiosamente uma resposta das outras marcas.
Haverá uma resposta?
Alguém sugere algo?


sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Acesso Médico

Mês passado, postei um outdoor do acesso médico muito diferente do que costumamos ver por aí. Veja o post aqui.
Um leitor entrou em contato comigo e me enviou mais duas peças do mesmo anunciante, como prova de que não foi uma peça isolada, e sim uma campanha diferenciada.
Assumo que o de Cirurgia Plástica não me agradou, mas mesmo assim, valeu!



Obrigada, Kalil!

E quem quiser enviar alguma coisa interessante que viu por aí, algum furo de anunciante, alguma ação original ou assuntos relacionados a propaganda e marketing, é só deixar seu e-mail no comentário que eu entro em contato!!!

Muito obrigada pessoal. E até o próximo post.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Eu vi!

Acabo de passar na Rua Alferes Poli, entre a Avenida 7 de Setembro e  a Silva Jardim.
FUROOOOO!!!

Mobiliário urbano do "Vestibular Uniandrade" ao contrário!
Meu celular estava sem bateria e não pude tirar uma foto.

CORRAM! ARRUMEM ANTES QUE AMANHEÇA O DIA!
Amanhã, se der, aviso se foi arrumado!

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Cure Bad Breath with Orabrush

Como vender um limpador de língua?
Tão difícil quanto vender dentadura.

O limpador de língua OraBrush decidiu abrir um canal no Youtube para postar vídeos de como usar a escova, testar seu hálito e até contar a história do seu surgimento.
Um bom exemplo do uso das mídias sociais.
Tem também o diário de uma Dirty Tongue.
O canal vem sendo mantido desde de 2009 (estou um ano atrasada). Os comerciais e os how-to videos são sempre atualizados.
Esse tem 13 milhões de views.

video

Eles também disponibilizam um app detector de mau hálito para Iphone: http://www.orabrush.com/bbdetector/
Veja como as pessoas reagem, e acreditam. Tenso ter que caçar as pessoas no meio do dia para testar seus hálitos. 
Um carinha ali sacou a ação. 
Você aceitaria?

video


http://www.youtube.com/orabrush#p/a/u/2/y-RvlQRrN-I.
Dá uma passada por lá se desconhecia a ação!

Dia sem Carro

    Semana Nacional de Trânsito e a mobilização de Curitiba é pequena, vergonhosa.
    A falta de respeito e de paciência dos motoristas da nossa cidade em 2009 desencorajou a Diretran a fechar algumas ruas da cidade para protestos de pessoas conscientes a favor do uso de meios de transportes sustentáveis. Que insolência!
    Espera-se que as pessoas entendam que é apenas 1 dia que elas deixarão de sair com seus belos e lindos carros. Que ingenuidade!
    No Parque Barigui algumas ações estão sendo feitas desde o dia 18, e seguem nos finais de semana, assim como feirinhas no centro da cidade e umas plantinhas distribuídas por aí. Saiba mais aqui.

    Os bicicleteiros de plantão se organizaram e o mês está cheio de eventos:

    MAS O OBJETIVO DESSE POST NÃO É INFORMAR, E SIM, CONVOCAR.

    video

    Você que tem medo dos motoritas: Comece respeitando o ciclista.
    Você que tem medo de acidentes: Prepare-se. Vista luvas, capacete e use sinalização.
    Você que não tem bicicleta: Eu empresto.
    Você que não tem companhia: Marcha das 1001 bicicletas. (17:30h / Praça Santos Andrade)
    Você que acha que uma ciclo faixa vai cair do céu: Mobilize-se.

    Encontre amanhã um modo diferente para ir ao trabalho, faculdade...
    Seja criativo! 
    Invente, proteste, divirta-se, inspire-se.

    video

    E para os que não se convencerem... se me virem na Avenida das Torres de bike... por favor, RESPEITEM!

    Até!

    sexta-feira, 17 de setembro de 2010

    Então era isso, Smirnoff...

    Segunda-feira, ao visitar o blog do meu amigo Lukas - homemmoderno.com - dou de cara com um banner secreto.
    Ação da Smirnoff que misteriosamente convocou alguns blogueiros a se juntarem num container para criar uma balada extraordinária.


    Essa ação mundial estava me deixando muito curiosa.
    O release já foi solto essa semana. E hoje, nos mesmo blogs, um novo banner te encaminhando para a página do Facebook. Lá você colabora com suas opiniões e sugestões, as que mais se adequarem à cultura de baladas do país, serão escolhidas.

    Eu sugiro mix de rock'n roll, house, sertanejo (você deve estar me condenando agora, hehehe) e flashs de samba e axé (cultura gente)... muitas opções de bebidas, comida (aperitivos), e muita gente do bem. E quem for de bike, ganha desconto ;)
    PS: Não esqueçam do bicicletário, Smirnoff.


    A balada dentro do container vai misturar o mundo inteiro. Em São Paulo provavelmente, um container também embarca no Brasil. A curadoria é do repórter e VJ Leo Madeira. Criação da campanha é da JWT New York.
    Dizem que o dia 27 de novembro será memorável, data da realização. Um "intercâmbio de baladas", segundo o release que segue:


    A SMIRNOFF CO. LANÇA O PRIMEIRO INTERCÂMBIO DE BALADAS DO MUNDO

    Em uma jogada ambiciosa e com objetivo de inovar as experiências de baladas, a Smirnoff, marca líder mundial de vodca, anuncia hoje o “Smirnoff Nightlife Exchange Project”.  Dando continuidade à missão de inspirar e possibilitar mais experiências únicas, essa tentativa ousada fará com que 14 países trabalhem com nomes respeitados e conhecidos da cultura noturna para descobrir e celebrar os melhores elementos da noite de seus  países. Essas idéias serão capturadas no ambiente online, embaladas em um container e transformadas em eventos inesquecíveis.  Em um final épico, no dia 27 de novembro, o mundo irá trocar suas noites, com cada país promovendo um intercâmbio do que há de melhor em suas baladas com o que há de melhor do outro.

    A Smirnoff acredita em fazer as coisas de maneira diferente, pois quando você transpõe convenções ou simplesmente altera um dos ingredientes de uma noite, é possível criar algo especial, algo extraordinário – uma noite que você lembrará e se orgulhará em dizer "eu estive lá". Parte da campanha “Be There, o Smirnoff Nightlife Exchange Project, a missão mais audaciosa da marca até o momento, tem 14 países embarcando em um intercâmbio cultural. Oriundos de seis continentes, os 14 países participantes - EUA, Grã Bretanha, Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, Alemanha, Índia, Irlanda, Líbano, Polônia, África do Sul, Tailândia e Venezuela - representam os diversos visuais, sons e sabores vibrantes da cultura noturna global atual, e cada um trará um sabor único e emocionante para o projeto.

    Com uma comunidade online global de mais de 2 milhões de pessoas, o Smirnoff Nightlife Exchange Project coloca esses fãs e o público em geral bem no centro do projeto.  Por meio de uma página no Facebook, os consumidores são convidados a deixar sugestões sobre o que representa o melhor da balada em seu país.  Isso pode ser um tipo específico de música, um drink concebido localmente ou uma tendência de moda exclusiva de uma determinada parte do mundo.  Assim que as sugestões forem recebidas caberá a Leo Madeira – curador do projeto no Brasil - decidir o que irá representar o melhor da balada brasileira neste intercâmbio.

    Leo Madeira, repórter e VJ da MTV, é o principal apresentador do núcleo musical da emissora. Seu intenso trabalho de pesquisa sobre música lhe rendeu um programa na rádio Oi FM sobre música semanal e de vanguarda. Este mesmo conhecimento sobre música e sobre cultura noturna fizeram de Leo a escolha ideal para a curadoria do Smirnoff Nightlife Exchange Project.

    “Receber o projeto de curadoria do projeto me deixou muito entusiasmado. É uma oportunidade de colocar em prática todo o conhecimento que adquiri nesses últimos anos trabalhando e frequentando a nightlife brasileira” comemora Leo Madeira, curador do projeto. “tenho certeza que receberemos sugestões inspiradoras e poderemos enviar à nossa cidade-irmã o melhor de nossa cultura noturna” finaliza Leo.
    Os ingredientes essenciais da balada de cada país serão revelados em 22 de outubro.  Cada país irá embalar sua melhor balada em um container para que um dos outros países a experimente em 27 de novembro 2010. A questão é - qual país o receberá esse container?

    “Be There”
    “Be There” - A Smirnoff acredita em fazer as coisas de maneira diferente: que quando você subverte o ordinário ou simplesmente altera um dos ingredientes de uma balada, é possível criar algo especial, algo extraordinário – uma experiência que você lembrará por muitos anos e se orgulhará em dizer "eu estive lá".

    Sobre a Smirnoff
    Criada em 1860 por Piotr Smirnov, na Rússia, a SMIRNOFF é a mais bem-sucedida marca de vodca do mundo. Há alguns anos, o Brasil vem se consolidando como um mercado estratégico e acaba de se tornar o terceiro principal consumidor desse produto para a DIAGEO, empresa líder mundial em bebidas alcoólicas premium, atrás apenas de Estados Unidos e Reino Unido. Seus diferentes rótulos atendem às diversas demandas do mercado e são encontrados no país nas versões SMIRNOFF 21, SMIRNOFF Black, SMIRNOFF Ice e Ice Black, SMIRNOFF Twist, nos sabores Citrus, Orange, Red Fruit e Maracujá, e SMIRNOFF Caipiroska, Limão Maracujá e Frutas Vermelhas. A empresa também tem como uma de suas principais preocupações o consumo responsável de álcool, destinando cerca de 30% de sua verba de marketing para campanhas de conscientização.
    facebook.com/smirnoffbrasil
    Aprecie com moderação. Para maiores de 18 anos.

    Como é a sua balada extraordinária, caro leitor ?

    quarta-feira, 15 de setembro de 2010

    Luta de Coisas

    domingo, 12 de setembro de 2010

    Liberdade de expressão

    Recomendo o documentário Viva Zapatero! para todos, envolvidos ou não com Comunicação.


    Esse documentário é dirigido por Sabina Guzzanti, atriz e comediante, na Itália, em 2005.
    Guzzanti tem seu programa descontinuado após o primeiro episódio, pois os políticos do governo Sílvio Berlusconi consideraram o programa uma humilhação às pessoas ali retratadas, eles mesmos.
    Processada, ganha na justiça, mas não consegue voltar ao ar. Acaba fazendo seu programa ao vivo mesmo.

    O nome do progama, RAIot, é uma sátira com o nome da emissora e a palavra em inglês riot, que significa motim.
    Zapatero'' é uma referência a José Luis Rodríguez Zapatero, paradigma da liberdade de expressão na televisão espanhola.

    video

    É terrível ver escancaradamente como a imprensa e toda informação é manipulada pelos poderosos. Dá uma raiva, um nervoso, vontade de se jogar da janela e mais. Mas o filme é bem bacana e engraçado. Falta uma Sabina Guzzanti no Brasil.

    SINOPSE:


    # Poucos artistas e jornalistas na Itália de Silvio Berlusconi se dispunham a furar o círculo censura-reclamação-aceitação. Pelo menos é isso o que achava a atriz Sabina Guzzanti, autora de cáusticas imitações do homem forte do país. Em novembro de 2003, quando teve seu programa Raiot “descontinuado” logo após a primeira emissão e foi processada pelos advogados do império Berlusconi, ela resolveu quebrar o círculo. Viva Zapatero! é essa tomada de atitude.

    O filme, referido como o Fahrenheit 11/9 italiano, é a crônica de uma indignação, embora se beneficie do humor na medida do possível. Afinal, é de sátira que se trata. Ao longo da projeção, vemos diversas cenas da belíssima Sabina escondida atrás de próteses que lembram vagamente Berlusconi. Sua melhor imitação, porém, é da então presidente da RAI, com direito a vesguice e dialeto. Censurada na TV, Sabina passou a se apresentar em teatros e a repercutir, através do filme, o descompasso da Itália em relação ao resto da Europa no que diz respeito à liberdade de expressão e à confusão entre interesses políticos e econômicos.

    Berlusconi é alvo relativamente fácil, com aquele ar de Mussolini à paisana. Nanni Moretti, outro contemporâneo que não se deixa abater, já tangenciou o assunto em Aprile e mais recentemente o encarou de frente na sátira Il Caimano. Sabina não se limita a atacar o inimigo, mas também questiona as razões dele. Conclama Dario Fo e satiristas estrangeiros para reforçarem sua opinião a respeito da sátira como algo saudável para o bom funcionamento da democracia. Usando tática semelhante à de Michael Moore, não escolhe lugar para encurralar ministros, políticos e dirigentes da TV estatal a fim de pedir explicações sobre a censura a seu programa. Só faltou perguntar a seu próprio pai, o comentarista político Paolo Guzzanti, por que ele se elegeu senador justamente pela Forza Italia, o partido de Berlusconi.
    Mas Sabina prima pela independência. A ponto mesmo de expor a leniência da esquerda italiana com a censura e criticar colegas jornalistas que se resignam ao jogo do poder e se acovardam diante do medo de perder empregos. A mídia na Itália é uma farsa, grita bem alto Viva Zapatero!. Ovacionado no Festival de Veneza de 2005, o doc virou peça de militância pela liberdade de expressão no país.
    La Guzzanti é muito clara em suas posições, mas soa obscura quando se trata de intitular seus trabalhos. O programa Raiot, por exemplo, fazia um trocadilho com a emissora RAI e o termo inglês riot (violência pública). Viva Zapatero! alude ao filme Viva Zapata! (sobre a revolução mexicana) e ao atual presidente da Espanha, que separou a TV pública do poder político como primeira medida do seu governo socialista. São títulos demasiadamente conceituais, que esvaziam um pouco a comunicação de seus trabalhos. Da mesma forma, a narração em inglês destoa um pouco do cabal engajamento do filme na realidade italiana.
    De resto, é um doc potente e mobilizador. A edição ágil cria um bom fluxo de materiais bastante distintos, que vão da vulgaridade estética da TV ao estilo “quente” de um cinema-verdade aplicado a uma causa política. Sabina Guzzanti é uma personalidade forte no centro de tudo, em plena luta para reverter a morte do telejornalismo investigativo na Itália. É por aí que Viva Zapatero! alcança seu sentido universal. 


    Garçom, uma Diva, por favor!

    E se o mundo "cervejístico" era muito machista, o Grupo Bolsa de Mulher - anuncienobolsa.com.br - mudou esse conceito, criando uma CERVEJA DE MULHER.
    Para escolher o sabor, fizeram uma pesquisa pelo Sophia Mind, empresa do grupo, e descobriram que as mulheres queriam uma cerveja mais leve e de baixa caloria. Foi escolhido então o estilo Belgian Blonde Ale.
    Como descobriram também que 65% das entrevistadas dão importância a uma embalagem bonita, lançaram um concurso para publicitários criarem a embalagem mais bonita.
    Em 3o lugar, o curitibano da agência WOW! Comunicação, Beto Ghidini, com a embalagem mais artística, na minha opinião. Gostei bastante. Muito bonito!


    Em 2o lugar, a cerveja Musa. Simples assim. De Daniel Motta, da Talent SP.



    E em primeiríssimo lugar, Gil Russi, da a4propaganda - SP.
    A cerveja Diva conquistou as mulheres por melhor entender o universo feminino e se adequar a ele. PARABÉNS!


    Agora é a vez da campanha!

    Até dia 15 desse mês, prazo prorrogado por causa do feriado, é possível enviar sua campanha através do http://mulher.com.br/cerveja/.

    A iniciativa do grupo foi muito bacana, ainda mais com um briefing bem completinho e disponibilizando já a tabela de preços das mídias que eles sugerem, a pesquisa de opinião das mulheres, notícias sobre cerveja, etc.


    A campanha com mais votos será a campeã e os criadores receberão o seu peso em garrafas de cerveja.  (Sendo 1 kg = 1 long neck). Além disso, os criadores da campanha vencedora serão divulgados em um anúncio a ser veiculado no Meio & Mensagem.
    A agência na qual os criadores vencedores trabalham também será premiada com um mini frigobar cheio de Cervejas de Mulher. 


    Um desafio, já que é novidade no segmento.


    *Todas essas informações e muito mais vocês podem conferir aqui.



    Estou ansiosa para descobrir o case vencedor!

    quarta-feira, 1 de setembro de 2010

    Muito melhor que Anador

    O Blockpain é um capacete que acaba com a dor de cabeça em até 24 h.

    Tem 7 modelos.
    O meu é Modelo Hora do Rush, com kits de jogos e passatempos, gps confiável, aulas de inglês e espanhol, massageador e viseira escurecedora para dormir tranquilo.

    O melhor de tudo é que tem garantia, o material é de qualidade boa.
    -Economiza energia pois não é ligado na tomada;
    -Não polui a atmosfera;
    -E se usasse madeira, seria de reflorestamento.


    Adquira o seu: http://www.blockpain.com.br/

    CONTRA DOR DE CABEÇA, NÃO INVENTA.